terça-feira, 29 de maio de 2018

ALAN BARBIERI AO VIVO - Esclarecendo sobre Demanda espiritual

ALAN BARBIERI AO VIVO - Esclarecendo sobre Demanda espiritual

Mensagem do dia por Mãe Cristina Tormenta do Templo de Umbanda Ogum 7 Ondas e Cabocla Jupira

New post on Umbanda - Orixá Essência Divina - Templo de Umbanda Ogum 7 Ondas e Cabocla Jupira

O vazio espiritual só é preenchido de dentro para fora. Umbanda.

by cristinatormena
INSPIRATION SENSATION: ZERO POINT
Falar sobre sentimentos, entrar nesse mundo vasto do coração e alma humana,  nunca é uma tarefa fácil, talvez eu não consiga tocar os corações de todos, mas deixo aqui um caminho que encontrei para deixar um pouco de mim para vocês.
Um caminho que eu mesmo trilhei.
O homem desde que o mundo é mundo ele sempre necessitou de criar religares com algo divino, ele coloca Deus, suas divindades, como uma força superior que o incentiva, motiva, o eleva, lhe dando coragem para superar todas as dificuldades através da crença e da fé.
Mas muitas vezes devido a desapontamentos, expectativas não correspondidas, a própria dificuldade do dia a dia, vai minando essa Fé, ao ponto de questionarmos se nós não fomos os nossos próprios enganadores. Frases tipo:
"... fiquei a vida inteira dentro de uma religião, acreditando em espíritos, em guias, em Orixás, e parece que tudo foi ilusão, nada acontece e nada muda..."
Vamos lembrar que a conexão com o alto é como uma estação de rádio que você precisa sintonizar no canal certo, caso contrário, você simplesmente não irá conseguir discernir as palavras das interferências. Reflitam sobre isso.
Pensamentos tipo esse abalam a fé, onde a pessoa sente que parece que nadou... nadou e morreu na praia exausta por não ter encontrado a direção certa.
O ser humano em vários setores da vida, tende a criar expectativas em tudo, ele tem dificuldade de viver um dia de cada vez, e sempre usa a espiritualidade como se ela fosse sua tabua da salvação, onde os guias e mentores tivessem que por obrigação fazer tudo por eles. Chegando ao absurdo e a ousadia de se dar o direito de cobrar da egregora espiritual soluções que muitas vezes só dependem de si próprios e estão em suas próprias mãos. Sim eles nos ouvem, nos dão a direção, mas caminhar é conosco.
Egoístas, dissimulados e covardes agem assim com guias que vem em terra tão dispostos a caridade, se verem colocados em tal patamar de simples servientes. Eles merecem mais respeito e gratidão.

O objetivo quanto a esse aspecto em nosso tema, dos nossos guias e mentores não é RESOLVER TUDO ou MESMO TER A RESPOSTA PARA TUDO, no sentido de ter que mastigar tudo bonitinho e passar para seus pupilos,  não é assim que funciona, a grande missão dos nossos guias e mentores é fazer com que seus médiuns e consulentes, PENSEM, REFLITAM, REFORMEM-SE dando a cada um a CAPACIDADE DE AÇÃO E RESOLUÇÃO, onde cada pessoa terá plena capacidade de resolver seus próprios enigmas, resolver seus problemas de forma madura e centrada, na realidade ensinando a pescar e não simplesmente dando o peixe.
Verdade
Mas infelizmente não é assim que alguns médiuns e mesmo consulentes acreditam, eles querem, anseiam que a espiritualidade lhes resolva tudo. Vamos dar alguns exemplos para elucidar isso de maneira mais clara possível.
"... exú não é o caminho? então meu exú tem por obrigação de me dar um emprego, resolver o meu problema..."
Honestamente nem Jesus Cristo teve essa pretensão.
MIMOSEAR               m i m s:   UMA NOVA CRIATURA Os que em Cristo foram batizad...
Vamos refletir sobre essa colocação, vejam como a pessoa joga a expectativa, o desejo na mão da entidade, como numa imposição, uma obrigação onde o guia a entidade tenha que lhe satisfazer a vontade.
Vejam bem isso é mais sério do que se pensa, exú mostra o caminho, mas não caminha por nós, não pode interferir em nossas escolhas e no livre arbítrio. O médium, o consulente vai e faz oferendas, barganhas de tudo que é monta, tipo num toma lá da cá, e quando por ventura se decepciona, seus pedidos e desejos não são realizados, não acontece o que se esperava fica muitas vezes desiludido com a religião, com o guia, as pessoas tem se desiludido até com Deus, imaginem com um guia.
E a Fé, ah.... a danada da Fé, já foi para as cucuias, é uma fé efêmera, fraca, só mantida enquanto a pessoa está recebendo, se satisfazendo, não medindo consequências e nem quem está a lhes satisfazer desejos tão fúteis. Entra nessa questão a fantasia, a expectativa, aquela coisa sobrenatural onde uma força imaginária vai vir como num passe de mágica e resolver tudo na nossa vida.
Opá lá, muita calma com esse andor, porque ele é de barro.
Está errada essa visão que as pessoas criam com relação aos guias e mentores. Eles não são fada madrinha, não são o coelhinho da páscoa e muito menos papai noel, e lembrem-se nossos guias estão sujeitos a ordenanças de egregoras superiores, há leis que são seguidas e respeitadas a risca, até mesmo para que não ocorra desequilíbrios no plano físico e espiritual. Acordem, parem de jogar toda a responsabilidade de suas vidas nas costas de seus guias, assumam sua vidas, assumam suas escolhas, suas decisões, suas consequências, suas ações e reações, verifiquem as causa e os efeitos que delas irão vir, olhem o que semeiam, escolham bem as sementes, o solo, porque a colheita será certa, e o retorno chegará. Nossos guias sempre falam:
"... filho, ajuda-te que eu te ajudarei..."
"... mude seu temperamento, reforme-se, evangelize-se...."
"... você anda destrutivo, negativo, vive blasfemando, brigando com tudo e todos..."
"... se apegue aos seus guias, lhes peça bom caminho, a boa palavra..."
Colin Bootman.
Nossos guias até por nos querer bem, nos proteger, infringem certas leis, quando são mais incisivos em seus conselhos, porque querem por nos amar tirar as pedras dos nossos pés, mas muitas vezes não os escutamos e cortamos os pés nas pedras.
Porque infelizmente nem tudo eles conseguem evitar, porque somos teimosos,   mentirosos, vaidosos e arrogantes, dissimulados. E depois acabamos cobrando deles atitudes que nós mesmos não tivemos por falta de decência, dignidade e humildade. E acabamos por colher o que plantamos.
Observem que em todo momento nossos guias, nos inspiram, nos aconselham, nos dão a direção, mas eles não podem resolver questões que nós mesmos não queremos enxergar que muitas vezes somos nós próprios os nossos maiores entraves e obstáculos. O ser humano ele tende a ver sempre o defeito nos outros, as falhas nos outros, mas tem uma forte tendência de não enxergar suas próprias entraves, mazelas, ranços, defeitos, fraquezas, porque o ego fala mais alto, impedindo que as mudanças que nossos guias nos inspiram sejam realizadas.
Tem consulentes e médiuns, que começam a ter verdadeiras idolatrias, fascinações, fanatismo ao ponto até de ficarem disputando entre si, quem tem o guia mais bonito, mais forte, etc.
Lembrem-se toda forma de fanatismo é doentia, causa disturbo psiquiátricos e adoece a alma.
Porque quando o médium idolatra dessa forma seu guia e Orixá, ele os coloca acima do bem e do mal, como se tudo dependesse da vontade deles, e quando esse médium percebe que não é bem assim, que fez oferendas, orações, acendeu dezenas de velas para receber uma determinada graça ou satisfazer um desejo e não obteve respostas, sua fé fica abalada, começa a questionar até mesmo a existência de seus guias e Orixás, porque ele não entendeu de fato a sua missão mediúnica e espiritual. Nossos guias nos ajudam a alcançar os meios, não os realiza por nós. E o que é muito difícil de se entender quando queremos muito algo é que nem tudo é permitido, nem tudo é possível, nem tudo é para ser.
E muitas vezes simplesmente NÃO MERECEMOS, porque não fizemos por onde receber. Porque colocamos sempre os nossos mais pequenos desejos e realizações acima de nossa Fé e da pratica do Bem.
Luiz Totus Tuus Maria
A Fé do Homem é sua força, sua motivação, em todo setor da vida, quando ele a perde ele se sente fraco, vazio, incompleto. 
Quantas vezes já me deparei com médiuns extremamente FRUSTRADOS, porque não entenderam seu papel numa comunicação mediúnica, explico: tem médiuns que quando seus guias começam a realizar seus trabalhos, uma cura, uma solução de um problema, quando começa-se a fazer filas para passar com seu guia, se ele não for educado adequadamente ele começa com o tempo a achar que o mérito é dele e não do seu guia. E será ai o começo da sua queda.
E um guia, um mentor detecta a vaidade, a arrogância, com muita facilidade, e o que muitas vezes acontece é que esse guia pode puxar a corda, tipo... meu filho está indo longe demais, e nesse momento a força da sintonia pode diminuir onde esse médium pode simplesmente vir a perder a força de canalização e sintonia, o médium começa a ter certas dificuldade de acoplamento. Muitas vezes o guia faz isso realmente para que esse médium desça do pedestal, o literal cortar as asinhas. O grande problema é que muitos médiuns não entendem a mensagem logo de pronto momento e começam a achar que foi tudo ilusão, onde bate o vazio espiritual. O que muitos médiuns se esquecem que o bom músico precisa de seu instrumento afinado, e um médium vaidoso, arrogante, orgulhoso, displicente com suas tarefas e cuidados mediúnicos, não consegue  elevar a sua própria sintonia até seu próprio guia.
Uma outra questão interessante que pode causar certas duvidas é o ato de se COMPARAR querer possuir dons que não tem,  tem médium que diz, acho que não tenho nada, nunca vi um guia meu na vida, nem em sonhos, acho que isso tudo é da minha cabeça, porque fulano vê os guias e eu não, se eu tivesse guia mesmo, os meus apareciam para mim. Alguns médiuns ficam tão desconfortáveis com isso que chegam a mentir que estão vendo tais guias para não se sentirem o diferentão, mas na realidade ficam ainda mais frustrados, porque os outros podem acreditar, mais ele sabe que mente para si mesmo. Infelizmente alguns médiuns adoram se prestar a shows pirotécnicos, querem aparecer de tudo que é forma, como tentando se provar o tempo inteiro, saibam que isso denota a mais pura falta de presença espiritual idônea e séria.
Bem vou contar um segredinho a vocês, guia nenhum se SUBMETE A PROVAS, porque ele não vem em terra para isso, e nem precisa se provar a seu ninguém. E médiuns que pedem provas como vidência e etc, saibam ELES NÃO SE MOSTRAM MESMO, e quando um guia falar que vai provar algo a você, na grande maioria das vezes, é você que será colocado em prova. Por isso cuidado com o que se pede, nossos guias e mentores tem formas bem peculiares de levar lições e as ensinar.
O vazio espiritual começa quando você começa a projetar o seu Eu na expectativa do outro sendo ele desse plano ou do outro, o que o consulente e mesmo o médium não entende que o vazio que ele sente só é preenchido pela sua própria essência, nossos guias e Orixás eles simplesmente ajudam apontando esse despertar, essa divindade em nós. A gente preenche esse vazio trabalhando nossos interiores, através da reforma íntima, da meditação, da evangelização, das boas obras, do vigiar dos pensamentos e palavras, das atitudes, nos colocando como eternos aprendizes, com humildade, sem tirar proveito de ninguém, sem excessos de ego, vaidade e arrogância. E quando vamos trabalhando essas questões um dia de cada vez, porque nosso "pecados, erros, falhas, ou como queiram chamar", agem como vícios em nossas almas, sempre estaremos fadados em cair em erro, não somos perfeitos, infalíveis, por isso o trabalho e o investimento em nós mesmos deve ser diário.
#Pensamentos
Cada dia vencido é uma luz que nasce em volta do nosso campo espiritual, e essa luz vai se tornando mais forte, e vai nos trazendo clareza, ao ponto de ver com os olhos da alma o que os olhos terrenos nunca permitiu enxergar. A Fé verdadeira é essa, acreditar em nós como seres humildes da criação de Deus, sem arrogância, sem ego, sem falsos poderes, simples criaturas em evolução.
Não importa em que você acredite, o que importa que o templo sempre estará em você, e esse templo deve estar sempre florido, iluminado, limpo, ai os mentores entram e realizam as obras porque lá eles irão encontrar paz, amor, e caridade e irão gostar de ficar.
O vazio espiritual também nasce da IMPOSIÇÃO DOS OUTROS EM NOSSA VIDA, existem pessoas que sofrem uma encarnação inteira, porque nunca conseguiram se achar espiritualmente, se espiritualizar, pessoas que as vezes por imposições sociais, familiares se vem obrigadas a seguir uma religião X que não é o que gostaria de praticar. Tem pessoas que possuem esse vazio espiritual porque lhes falta coragem de quebrar muralhas colocadas em seus caminhos por outros, lhes falta coragem, determinação, motivação
Tem pessoa que nasceu em berço católico, mas que gostaria de ser da religião evangélica, outros nasceram em religião evangélica e gostaria de ser Umbandistas, outras nasceram no berço Umbandista mais gostaria de ser Budistas, outras simplesmente não querem seguir religião nenhuma e nem por isso são más pessoas ou deixam de ser espiritualizadas.
DEVO FLORIR ONDE DEUS ME PLANTOU.
Seria bom se fosse tão fácil quebrar as barreiras, as imposições, os preconceitos e intolerâncias sociais, existem pessoas que vivem, foram criadas para se basear no que outro vai pensar sobre elas e não o que elas pensam sobre si mesmas. Então uma pessoa pode querer ser Umbandista e simplesmente adorar a religião mas tem vergonha de ser chamado de MACUMBEIRO, ai se vê seguindo uma religião que no fundo do seu coração não gostaria de seguir, mas segue porque socialmente é aceitável. Isso cabe a todos os seguimentos religiosos.
O que as pessoas não entendem que o vazio espiritual só é preenchido quando elas se espiritualizam, o processo não é de fora para dentro é de dentro para fora. Não importa no que ela acredite, o que importa que ela se sinta bem consigo mesma, se sinta realizada como ser humano, que ela consiga dentro de sua espiritualização se iluminar. Só a iluminação preenche o vazio da alma, e para se iluminar é preciso ser VOCÊ MESMO, sem medo de represálias, contestações, perseguições, porque isso você vai encontrar na vida fazendo ou não o que gosta. Então acredito que é melhor optar pelo que te faz bem, pelo que aprecia, pelo que te completa.
É necessário fazer escolhas muitas vezes difíceis, vencer o medo, e isso ninguém irá conseguir fazer por você, podemos motivá-lo mas a realização está em suas mãos. Coragem, vamos lá.
Quebre os dogmas que estão enraizados dentro de você, que você mesmo não acredita mais.
Essa iluminação ela vai te fazer uma pessoa melhor para a sociedade, uma pessoa realizada, satisfeita com a vida, vai te trazer aceitação, realização, sucesso, motivação e pessoas Felizes, Realizadas, não tem tempo para prejudicar ninguém, falar mal de ninguém, a felicidade delas fazem elas serem mais gentis para o mundo em que vive.
Preencha-se de luz, ilumine-se, faça o bem, ore muito, medite muito, ouça boas músicas, cante uma música, tome um bom café, faça um jardim, dê amor, doe amor. Aceite-se completamente dentro da sua essência espiritual, se permita trilhar pelo caminho, não importa as pedras, os espinhos, as falas alheias, ninguém disse que seria fácil, mas facilidade de mais não tem graça, não é mesmo? o ser humano adora se superar. Você nunca se sentirá mais só, e muito menos vazio, porque aprendeu que o verdadeiro preenchimento não é feito de coisas efêmeras mas do que fica para sempre.
Desejo que todos que se sintam vazios, encontrem seus caminhos, e quem sabe a gente não se cruza por ai, numa das encruzilhadas da vida.
O futuro só depende de você! : REFLITA!
Se iluminem-se, sejam luz, que a luz chegue sempre a sua frente.
Paz e Luz a todos.
Cristina Alves - Dirigente  
Templo de Umbanda Ogum 7 Ondas e Cabocla Jupira.
(Nossos textos tem por finalidade levar ensinamento e estudos a todos de forma filantrópica. Ao compartilhá-los e usá-los em palestras, vídeos, por favor, lutem contra o plágio e divulguem nossa autoria e fonte. Gratidão.)

TEMA LIVRE UMBANDA - AO VIVO Umbanda EAD Ed. 21

#533 Incorporar varias linhas!?

segunda-feira, 28 de maio de 2018

Puxadas na Umbanda

AVISO DE TRANSFERÊNCIA DE DATA DE ATIVIDADE.


Axé a todos, acreditando que devido a greve dos caminhoneiros muitos consulentes tiveram dificuldades para participarem da gira sexta feira, quero comunicar que nesta sexta - dia 01 de junho - a gira esta cancelada.
Comunico também que, quinta feira - feriado, dia 31 de maio - teremos gira fechada de Esquerda. Para participar é FUNDAMENTAL entrar em contato conosco para deixar o nome e saber como colaborar com a gira e com a Casa.

PAZ e LUZ


Informações sobre Nossa Umbanda

 (11) 3483-1223 (quintas após as 15hrs)
 (11) 99707-8295 - WhatsApp

QUEM DESEJAR PARTICIPAR, BASTA SE INSCREVER !




"Depois dos dias quentes do verão, o outono chega derrubando as folhas e resfriando a terra para que ela renasça e o ciclo da vida continue."

E você Antonio, do que precisa se livrar agora para renascer na primavera? 
Estamos te enviando esse e-mail para avisar que amanhã (terça-feira, 29 de Maio), às 20h teremos mais uma Vivência Xamânica 100% prática aqui no Colégio Pena Branca,com o Sacerdote Cristiano Nascimento. 😉
QUERO PARTICIPAR →

domingo, 27 de maio de 2018

OBSESSOR, KIUMBA, SOFREDOR E EGUM

MÉDIUM DE TRANSPORTE

ATIVIDADES DE JUNHO NO CENTRO DE ILUMINAÇÃO NOSSO LAR

Centro de Iluminação Nosso Lar


Posted: 26 May 2018 01:30 PM PDT

Trabalho Fechado para Desenvolvimento Mediúnico 
Curso de Baralho Cigano
Quinta - 07.06.2018 - 20:00
Curso para leitura do baralho cigano, somente para membros do corpo mediúnico da casa.

Trabalho de Prosperidade - (Exu e Pomba-Gira)
Sábado - 09.06.2018 - 17:00
Trabalho com os Guardiões (Exu) e Guardiãs (Pomba-Gira), voltado para proteção e conquistas tanto materiais quanto amorosas.

Trabalho Fechado para Desenvolvimento Mediúnico
Curso de Baralho Cigano
Quarta - 13.06.2018 - 20:00
Curso para leitura do baralho cigano, somente para membros do corpo mediúnico da casa.

Trabalho de Catimbó - Homenagem a Santo Antônio
Sexta - 15.06.2018 - 20:00
Culto alegre da jurema sagrada, uma mistura de catolicismo, pajelança e magia europeia, muito popular e utilizada principalmente na região nordeste do nosso país.
Homenagem a Santo Antônio, padroeiro do Catimbó, poderoso, milagroso, casamenteiro e sempre tão presente em nossa casa.

Trabalho Fechado para Desenvolvimento Mediúnico
Terça - 19.06.2018 - 20:00
Desenvolvimento e consulta exclusivo para os médiuns da casa.

Ritual Xamânico com Ayahuasca
Sábado - 23.06.2018 - 13:30
Participação restrita a membros do corpo mediúnico e convidados previamente agendados.

Trabalho Fechado para Desenvolvimento Mediúnico
Curso de Baralho Cigano
Quarta - 27.06.2018 - 20:00
Curso para leitura do baralho cigano, somente para membros do corpo mediúnico da casa.

Trabalho de Caboclo com Xamanismo e Pajelança
Sexta - 29.06.2018 - 20:00
O poder de cura e equilíbrio com as ervas, reiki e demais instrumentos e técnicas xamânicas, orientados pelo axé e energia dos caboclos.

sábado, 26 de maio de 2018

Preceitos e Resguardos segundo Templo Ogum 7 Ondas e Cabocla Jupira !

Preceitos e Resguardos

790f52e5d1fb978fa48aa1f659d4f628 (1)Preceito (do latim praeceptum) é concebido como um comando ou proibição de realizar uma determinada ação ou omissão.
Deve-se frisar que toda religião tem seus preceitos religiosos, desde o tempo de Jesus Cristo, podendo ser semelhantes ou mesmo diferentes de acordo com a tradição das mesmas.
Bem, cada terreiro e casa de axé tem seus preceitos e resguardos. Estarei citando aqui de acordo com a Umbanda que pratico, somente alguns deles.
  • A abstenção do ato sexual nos dias de gira, e três dias antes da realização das obrigações primordiais e principais  dentro do terreiro.
No sexo há uma troca de fluidos corpóreos, uma troca energética podendo ser saudável ou não. Já li algumas literaturas que falam o seguinte: “…que é melhor liberar o ato sexual nos dias de giras para que se evite que a pessoa fique com maus pensamentos e más condutas, ou mesmo fique nervoso…”. Vejam bem, me perdoem a sinceridade,  para mim, um médium que não consegue se resguardar, se purificar para trabalhar com seus guias e Orixás não deveria nem estar na Umbanda, não é por causa de um dia de abstenção que a pessoa vai morrer, não é mesmo? Será que nossos guias e mentores não merecem esse resguardo. Pensemos.
  • A abstenção de carne, nos dias de gira e obrigações. Muitos dirão: é mais prejudicial o que sai da boca para fora do que entra pela boca adentro, é verdade, até concordo com essa afirmativa, certo ponto. Mas devemos evitar. Mas se o médium não tiver outra coisa para comer, que ele coma, mas coma pouco. Porque a digestão da carne é mais lenta e durante esses processos de digestão, alguns espíritos se alimentam dessa energia podendo ficar mais próximos, dificultando uma boa incorporação e os trabalhos dos guias e mentores. Fora que a produção de ectoplasma do médium fica comprometida para o tratamento de cura.
Quanto a preceitos referentes a alimentação, devemos também lembrar que um tratamento espiritual de cura por exemplo, devemos orientar aos consulentes que sigam tais prescrições para que se obtenha o melhor resultado. Esses preceitos podem variar de acordo com cada problema específico.
  • Banhos de ervas: é muito importante que sejam tomados, para que o campo energético desse médium, esteja equilibrado, energizado, limpo, descarregado. Mas vejam bem, algumas ervas podem causar um efeito ao contrário caso não sejam bem manipuladas, por isso que banhos de ervas devem ser prescritos pelo dirigente e pelos guias chefes, que indicaram os banhos de acordo com que cada filho necessite. Sempre é bom lembrar, que há ervas equilibradoras, frias, mornas, quentes. Nem sempre uma erva que é boa para um filho deverá ser prescrita para outro. Há também preceitos quanto a colheita das ervas quanto a horários, e tem toda uma forma de preparação, raízes são preparadas diferentemente de folhas frescas e secas. Devemos lembrar que algumas ervas depois do meio dia, se negativizam. Por isso que o conhecimento ritualístico sobre ervas é necessário. Outra dica que deixo, tomem cuidado onde compram suas ervas secas, infelizmente a maus comerciantes que andam vendendo mato como se fosse erva, fiquem atentos, principalmente quando se tratar de ervas medicinais essas então exige-se um conhecimento apuradíssimo.
  • A prece, a reza, a oração: para nós é um dos maiores preceitos, nos leva a sintonia, a vibração, a adoração. O ato da oração nos edifica,  nos fortalece, na oração, nos silenciamos e nos resguardamos do mundo profano para nos religar ao mundo espiritual.

  • O uso do uniforme adequado, o cumprimento de horários, o comprometimento também são preceitos e são normas que devem ser vistas com seriedade. Você não vai receber seus guias e mentores, com uma roupa inadequada, suja ou mesmo rasgada. A roupa do médium deve ser bem lavada, perfumada e descarregada, procedimentos que devem ser passados por cada dirigente de acordo com sua tradição. Em algumas tradições mais antigas não se deixa por ex. roupa de santo, pegar o sereno da noite. Uma dica: Lave a roupa branca normalmente, primeiramente para tirar a sujeira mas grossa, depois lave novamente com sal grosso, e no enxague coloque anil ou essências ou mesmo alfazema. Não as misture com outras roupas.

  • Existe todo um preceito até mesmo no acender uma vela da forma adequada, do preparar uma comida, Ex.: não se deve misturar comida de santo no sentido anti horário para não negativar, o médium que está preparando essa comida, deve ter pureza de sentimentos e intenções, não se usa colher de pau do salgado no doce, há os utensílios e itens de acordo com cada Orixá, eteceteras. Vejam que há preceitos dos pequenos atos até os grandes. Algumas comidas devem manter o silêncio absoluto por exemplo, certos preceitos além de serem preceitos são fundamentos, segredos ritualísticos.

  • Dentro da minha tradição pela qual sigo, quando há casal dentro do terreiro, procuramos logo de início trabalhar a individualidade de cada um, onde um não se meta na parte espiritual do outro, o respeito é fundamental. Então cada um respeitará o preceito e resguardo do outro.

  • Abstenção de bebidas alcoólicas no dia da gira: a bebida ela mexe com o inconsciente do médium podendo abrir uma passagem de acesso e trazer presenças não desejáveis e provocando um desequilíbrio. Já vi vários relatos de médiuns de uma forma geral que chegam completamente bêbados dentro da corrente, isso é um absurdo e mais absurdo ainda é saber que há dirigentes coniventes com tais atitudes. Como você vai se apresentar perante seus Orixás e guias num estado de alcoolismo ou mesmo drogado? é no mínimo desrespeitoso. Devemos salientar que nossos guias fazem uso da bebida e do fumo, mas não por vício, no caso da bebida eles trabalham com a volatização da mesma.
Muita pessoas perguntam, porque existem esses preceitos e resguardos?
Porque devemos estar o máximo purificados para lidar com o espiritual, devemos nos aproximar o máximo de sua sintonia, e não eles a nossa. Um médium quando ele está com a matéria não adequada seu acoplamento espiritual fica comprometido, mas também não adianta somente fazer esses resguardos e preceitos somente no dia da gira, se durante o resto da semana, o médium leva uma vida desregrada. O médium deve levar uma vida saudável,  normal, mas deve evitar abusos.
  • Um outro preceito que temos dentro de nossa casa, é que o médium evite de entrar em cemitérios, igrejas, bares e hospitais em dias de gira, locais onde há uma circulação energética muito forte tanto de espíritos positivos quanto negativos. Nos bares há uma circulação de espíritos vampirescos, que adoram tomar um gole, fazendo médiuns de copo, um costume que acho imprudente é aquela mania de jogar um gole para o santo no chão, vão pensando que é santo que está ali. Sabem nada inocentes (risos).
Nas igrejas, todos os dias são rezadas as missas de sétimo dia, então imaginem o que tem de circulação espiritual nelas, no cemitério além de se rezarem missas, há todo um choque espiritual, onde se deve saber entrar e saber sair do campo santo. Veja bem não estou dizendo para não irem na Igreja não é isso, mas evitem de ir em dias de gira, porque muitos espíritos que estão ali podem vir agregados, nem sempre por mal, mas são atraídos pela luz que um bom médium emite. Vejo muitas pessoas dizendo que se sentem mal em igrejas, se sentem sufocadas, angustiadas, algumas pessoas são mais sensitivas que outras, e sentem com maior facilidade essa mudança energética, daí essa sensação de desconforto.
Nos hospitais, eu costumo dizer que há dois portais onde ao mesmo tempo em que se está se nascendo novas vidas, chegando novos espíritos, está também saindo do plano terreno outros. Dentro dos hospitais há uma série de choques emocionais desde o pior sofrimento, até o momento de maior alegria.
Claro que terá situações que serão inevitáveis, nesses casos o médium deverá consultar seu dirigente que saberá lhe orientar de como proceder nessas situações.
Esses lugares se puderem ser evitados em dias de trabalho é bom.
  • Na nossa casa temos muito respeito quanto a horários: Das 3:00 as 4:00hs – horário conhecido como hora da trindade, nesse horário é quando tanto espíritos positivos quanto negativos conseguem melhor acesso a nós encarnados, e quando os portais estão abertos, onde médiuns tem sonhos premonitórios, vidências e desdobramentos.
No horário do 12hs, é um horário que precisa-se tomar muito cuidado, um horário negativo, considerado o horário de Lúcifer o horário do anjo da luz, não se deve profanar nesse horário, com frases negativas, como dizem: se um anjo ruim passar, amém.
O Horário das 18:00hs considerado o horário dos anjos e da Virgem Maria, um dos melhores horários para se rezar e acender velas, horário muito positivo para se voltar a espiritualidade.
Há muitos relatos de caráter paranormal nesses horários, de aparições, horários que devem ser respeitados.
Observem que os preceitos não são meros tabus, existem aqueles que vieram culturalmente, que com o tempo foram descartados, mas outros não o são, e segui-los de forma adequada, pode significar a diferença do dar CERTO do não DAR.
Dentro da religião da Umbanda há ns. outros preceitos fora esses que são os básicos, existem outros que são passados de pai para filho, conhecimentos que entram na parte de fundamento ritualístico de cada casa e tradição, que não podem ser ensinados para qualquer um, somente aqueles que fazem parte daquela egregora.
Mas posso lhes afirmar que há preceitos e resguardos, desde o início até o fechar de uma gira de Umbanda, desde os mais sutis, até os mais complexos.
Espero que tenham gostado da matéria, e volto a frisar, esse é um pedacinho da tradição de Umbanda do nosso Templo.
Você não sabia que tinha tudo isso envolvido? pois é… está  é a diferença de se ter tido bons dirigentes a se espelhar, preceito também está na humildade do ensinamento onde o que sabe mais ensina o que sabe menos, e o mais bonito nisso tudo é que para quem quer e estiver disposto a aprender, na Umbanda nossos guias são exímios professores.

Paz e Luz a todos. Axé.

Cristina Alves
Templo de Umbanda Ogum 7 Ondas e Cabocla Jupira.

Dor de Cabeça no Médium ! Segundo Templo de Ogum 7 Ondas e Cabocla Jupira !

Por que o médium tem dor na cabeça?

glandula pinealPrimeiramente acho importante dizer que cada médium deve ser avaliado de uma forma única, não há receitas prontas. Por questões individuais especificas, tanto físicas como espirituais.
Antes de mais nada, vamos entender sobre o que é uma glândula Pineal: A epífise neuralglândula pineal ou simplesmente pineal é uma pequena glândula endócrina localizada perto do centro do cérebro, entre os dois hemisférios, acima do aqueduto de Sylvius e abaixo do bordelete do corpo caloso, na parte anterior e superior dos colículos superiores e na parte posterior do terceiro ventrículo. (wikipédia).
Pineal– “Pelos estudos (…) percebemos a influência diretora da glândula pineal sobre a cadeia glandular do organismo. A ligação que mantém com o hipotálamo e outras zonas nobres do sistema nervoso central é evidente, como também, a influência que exerce no sistema nervoso neuro-vegetativo. Desse modo, jamais poderemos afastar a glândula pineal da participação de inúmeras funções orgânicas, direta ou indiretamente, assim como da acentuada correlação no setor psíquico.”  (Livro: Forças Sexuais da Alma, página 90, autor Dr. Jorge Andréa, editado pela Federação Espírita Brasileira).
Se pararmos para analisar ela é a grande centralizadora do sistema endócrino do ser humano intimamente ligada aos chakras. Um exemplo: um problema emocional irá estar ligado ao chakra cardíaco e coronário. Todos esses sinais energéticos devemos frisar que são passados pela Epífise.
chakras-e-glândulas-endócrinas-copy2-1024x723Essa glândula a qual é instigada pela ação dos chakras, irá lançar no organismo através da corrente sanguínea hormônios, irão provocar mudanças funcionais no organismo (tanto para o melhor quanto para o pior), podendo ser tão intensas que poderão provocar desarranjos orgânicos. Vejam que interessante.
Se pararmos para pensar a cabeça humana é o grande centro irradiador de energia, (chakras principais coronário e frontal) sendo que essa energia passa por essa glândula, levando essa carga de energia para os demais chakras. Todo médium ele tem um acúmulo de energia já intenso, caso essa energia percorrida ache nesse trânsito energético,  algum obstáculo é como um entupimento criando um acúmulo energético que irá atingir um determinado chakra o qual como foi mencionado atingira as glândulas podendo provocar desarranjos no organismo.
Um exemplo básico, em várias literaturas é falado que o médium em dias de sessão mediúnica, deve se abster de comer comidas pesadas, carnes, ingestão de bebidas alcoólicas, comer pouco e comidas leves. Vejam que interessante se o médium entra para a gira empanturrado de bebidas e comidas provavelmente quando no ato de acoplamento espiritual, incorporação,  onde a energia do espírito se une ao do médium através dos seus chakras, onde essa carga energética aumenta potencialmente ela provavelmente terá dificuldades de circulação terá ali um bloqueio, o qual esse médium poderá ter sintomas de desarranjos não muito agradáveis. Nesse caso provocado por alimentação não adequada, e isso vale também para ingestão de entorpecentes, os quais podem provocar danos graves tanto no físico como no mental.
“Vejam o exemplo dos Monges do Tibete, onde ficam até dias em jejuns absolutos, se restringindo de influências externas, meditando e canalizando suas energias espirituais, possuidores de conhecimentos milenares quanto a canalizações energéticas espirituais”.
Agora imaginem um médium dar passividade a um espírito após ter ingerido bebidas alcoólicas em excesso, com certeza quando da veracidade dessa presença espiritual esse médium irá sofrer danos tanto refletidos no seu físico quanto no espiritual, ele se torna um copo de entidades altamente nefastas que irão causar danos seríssimos em seu campo mental e chakras.
Singelamente,  vamos comparar a um cano de água, quando esse cano por algum motivo foi entupido em um determinado ponto, o acúmulo de água pode ser tão intenso, que irá voltar novamente para o ponto de origem, causando vazamentos e transbordando. No caso do médium, esse acúmulo pode se acumular na cabeça onde por ventura pode provocar sintomas de  fortes dores na cabeça, devido a uma carga excessiva de energia muitas vezes contaminada e danosa..
Uma outra situação interessante é quando esse congestionamento vamos colocar assim vem oriundo de magnetizações nocivas, quem nunca ficou perto de uma pessoa tóxica, invejosa, maledicente e quando a mesma saiu se sentiu sugado, vampirizado, com fortes dores de estomago, aquela indigestão, aquele azedume na boca vindo do fígado por exemplo, o médium ele não tem um botãonzinho de desligue ele é médium 24hs por dia e quando isso acontece algo penetrou em seu campo energético, um ataque nocivo.
Sabe aquela frase, quando a pessoa está zangada e diz: “… vou lançar todo meu fígado nele…” pois é, tem um certo sentido.
O médium por sua vez, nessas situações, ele se torna como uma esponja, um receptor de energia de tudo a sua volta. Com o trabalho e aprimoramento mediúnico os médiuns vão aprendendo a canalizar e filtrar essas energias para que as mesmas não lhes provoque tantos danos.
Num ataque espiritual é ainda mais forte, podendo provocar sintomas terríveis num caso de incorporação, porque nesse caso toda a energia dos chakras daquele espírito se ligam nos chakras do médium. Por isso que em caso de trabalhos de descarrego o trazer esse espírito nefasto no médium tem que ser feito com muita responsabilidade e seriedade. Fora que é extremamente danoso executar trabalhos dessa monta em médiuns inexperientes e novatos, médiuns para esse tipo de trabalho devem ser altamente experientes porque saberão lidar com mais propriedade com as influências desses espíritos não se deixando sugestionar. Mas infelizmente alguns fazem dessa pratica algo banal trazendo prejuízos graves em seus médiuns, consulentes e nos próprios espíritos que ali estão sendo canalizados.
Pessoal uma coisa extremamente importante lembre-se que esses ataques, essas energias,  passam pelas glândulas, penetrando no organismo através da corrente sanguínea, então se tiver dor na cabeça, tomem analgésicos, se tiver uma indisposição que atingiu o figado, tome remédios para esses sintomas etc, frise-se que esses medicamentos atenuaram os efeitos. Os guias e mentores até ajudam nesse processo, mas devemos também fazer a nossa parte, caso contrário até para eles acaba dificultando a harmonização e higienização para atenuamento dos sintomas.
Cabe frisar que nem tudo é de ordem espiritual, e dependendo dos sintomas, devem passar por uma avaliação de ordem médica, já vi casos de pessoas que estavam com problemas sérios e graves de ordem física e não espiritual sendo tratadas como sintomas mediúnicos, como já vi o inverso também. O ideal que ambos os campos sejam sim avaliados com critério, porque na realidade também há casos de ordem física e espiritual devendo os dois lados serem bem acompanhados e tratados.
Notem como é importante certos cuidados, muitas vezes o dirigente passa certas restrições e são vistas com descaso por alguns médiuns, sendo assim médium se você anda sentindo sintomas muito agressivos, você terá que passar por uma avaliação criteriosa por seu dirigente e pelo guia chefe, mentor de sua casa religiosa.
Mas se avalie se está tendo os cuidados necessários para sua atuação na casa religiosa, vejam bem, os médiuns tem sua vida social, mas não adianta só tomar certos cuidados na hora da gira, se o médium anda bebendo abusivamente durante a semana inteira, se tem posturas e condutas nocivas para si e para seu semelhante como pensamentos e atos, por exemplo, os cuidados no dia da gira só serão um atenuante. Caso esse médium não se sinta confortável com tais restrições talvez seria melhor se abster do trabalho mediúnico mais ostensivo, porque dessa forma não traria danos nem a si mesmo e nem aos outros.
Dentro dos conceitos da Umbanda quando os guias e mentores, os dirigentes, passam certos banhos de ervas específicos para cada médium, é justamente porque essas ervas já comprovadamente agem na fluidificação, limpeza, energização, e canalização energética desses chakras facilitando que energias mesmo que mais densas consigam ser transmutadas de uma forma mais adequada.
Existem também outros conceitos religiosos de maior fundamento religioso, que devem ser tratados especificamente, alguns médiuns na Umbanda tem essa captação energética mais aguçada, dentre eles podemos destacar, os filhos de Iemanja, Oxum e Xangô, mas vejam bem, não que se restrinja o sintoma de dor na cabeça a eles mas tem-se evidenciado esses sintomas mais acentuados nos mesmos. Então aconselho a esses filhos tomarem cuidados ainda mais primorosos, vamos dizer que suas esponjas sejam ainda maiores que os demais.
Destacamos mais os efeitos da tão cruel enxaqueca, mas há outros sintomas bem desconfortáveis como enjoos, tonturas, perdas dos sentidos, e todos eles correlacionados ao que foi mencionado.
Esse texto foi escrito baseado em estudos os quais procurei associá-los de uma forma interativa para facilitar o entendimento, mas gostaria de salientar que o estudo sobre esses efeitos é muito extenso os quais temos várias literaturas a respeito. Espero ter ajudado de alguma forma o melhor entendimento sobre o assunto.
Cristina Alves
Templo de Umbanda Ogum 7 Ondas e Cabocla Jupira

sexta-feira, 25 de maio de 2018

COMUNICADO DE TRANFÊNCIADE DATA DE ATIVIDADE NO TEMPLO DE OGUM 7 ONDAS E CABOCLA JUPIRA

CONSTRUINDO COMUNIDADES RESILIENTES: 10 Dicas de Segurança Pessoal nas Ruas
Pessoal devido a greve, estamos adiando a gira de amanhã para o próximo dia 02/06, manteremos a mesma programação já no blog. 
Agradecemos a compreensão de todos. Grata.
Cristina Alves
Templo de umbanda Ogum 7 Ondas e Cabocla Jupira.
cristinatormena | 25 de May de 2018 at 20:36 | Categories: Sem categoria | UR

ADQUIRA SEUS LIVROS SOBRE CADA oRIXÁS E FORMATO DE E-book


Adquira o livro virtual sobre seu Orixá de Cabeça!

A Série FILHOS E FILHAS DOS ORIXÁS traz todas as informações que você precisa saber
sobre o (a) seu (sua) Orixá de Cabeça. 

Numa linguagem simples e fácil de ler, você entenderá os principais campos de atuação 
dos (as) Orixás e como Eles (as) influenciam seu modo de ser e de agir.  

Seu Orixá de Cabeça diz muito sobre você!

  

Cantar pontos em casa.