quarta-feira, 3 de agosto de 2016

    UMBANDISTAS VAMOS RECORDAR ?

      Termos e Vocábulos na Umbanda

Maleme/Maleime: Pedido de Perdão.
Oxalá: O Grande, a Luz Divina
Orixá : Senhor da Cabeça - Saudação: Eparê  ( Salve o País )
Ogum : Senhor da Guerra  - Saudação: Ogunhê ( Salve Ogum )
Oxossi: Caçador Noturno  - Saudação: Patacuri ( Salve o que tem a cabeça)
Xangô: Senhor da Justiça - Saudação:Kaô Cabecile ( Salve o Rei da Casa )
Obaluaê:Rei dono da terra- Saudação:Atotô ( silêncio )
Omulu : Filho do Senhor    - Saudação:Atotô ( silêncio )
Cosme/Damião:Ibeji          - Saudação :Onibejada/ Olibejada
Iemanjá: Mãe dos Mares   - Saudação :Odoiá , Odociaba
Iansã : Mãe do entardecer- Saudação :Eparê Iansã ( salve sua presença )
Oxum : Mãe da água doce - Saudação:Oraiau/ Aieeu
Nanã Buruquê: Mãe(mais antiga)-Saudação: Saluba Nanã(nos socorra )
Exu: Esfera                         -Saudação: laruê Exú/Exú é Mojubá(Olhe por mim)



Agô : Licença ( Pedido, benção, saudação )
Alguidar: Pratos, Tigelas de barro de diversos tamanhos
Aruanda: Cidade onde os espíritos estão
Atalaia: Estar sob a proteção de uma entidade
Axé: Energia, força vital, benção
Babalorixá: Pai de Santo ( com curso de sacerdote )
Babalaô: Pai de santo que prestou todos oráculos
Camatuê: Cabeça do consulente ( denominado pelo médium  incorporado )
Casuá: Casa, residência ( denominado pelo médium incorporado )
Calunga grande : Cidade dos mortos, o mar ( Local de Iemanjá ).
Calunga pequena: Cidade dos Mortos, cemitério ( Local de Omulú, Obaluaê)
Capa Branca: Médico da terra ( denominação dada pelo médium )
Capa preta: Juiz ( denominação dada pelo médium )
Coité: Parte da casca do coco onde a entidade bebe
Congá: Altar também denominado Peji
Ebó: Toda e qualquer oferta a um Orixá
Fundanga: Pólvora utilizada para desfazer trabalhos
Humaitá: Forte no Paraguai- Resistência- Cidade- Ogum
IAÔ: Iniciante na umbanda
Ialorixá:  Mãe de Santo com curso de sacerdote
Laruê: Saudação
Juremá: Mestres erveiros que manuseiam as ervas
Ló: Despedida dos Médiuns incorporados quando estão se retirando: Ir a LÓ
Macaia: Ervas das matas
Macumba: Tambor utilizados pelos antigos escravos no candomblé.
Maleme/Maleime: Pedir perdão, pedir misericórdia
Marafo: Bebidas ( antigamente era somente o aguardente ).
Ori: Cabeça
Padê: Oferenda a Exú para que se retire levando tudo de negatividade
Paô: Bater Palmas em sinal de respeito , normalmente 3 x 4 ou 3 +4  para                         
        Entidade EXU com a saudação: laruê Exu – Eu te saúdo Exu, Eu te             reverencio .
Pito: Cigarro, charuto, cachimbo, etc.
Ponteiro: Faca utilizada em terreiros de terra para marcar pontos                               riscados
Quiumba: Espíritos sofredores, obsessores
Quezila/Quizila: Aversão, discussão
Saravá: Saudação: Salve, viva !
Zambi: Olorum ( Deus único ). 
  



Extraido dos vídeos de Marcio Kain      
    UMBANDISTAS VAMOS RECORDAR ?

      Termos e Vocábulos na Umbanda

Maleme/Maleime: Pedido de Perdão.
Oxalá: O Grande, a Luz Divina
Orixá : Senhor da Cabeça - Saudação: Eparê  ( Salve o País )
Ogum : Senhor da Guerra  - Saudação: Ogunhê ( Salve Ogum )
Oxossi: Caçador Noturno  - Saudação: Patacuri ( Salve o que tem a cabeça)
Xangô: Senhor da Justiça - Saudação:Kaô Cabecile ( Salve o Rei da Casa )
Obaluaê:Rei dono da terra- Saudação:Atotô ( silêncio )
Omulu : Filho do Senhor    - Saudação:Atotô ( silêncio )
Cosme/Damião:Ibeji          - Saudação :Onibejada
Iemanjá: Mãe dos Mares   - Saudação :Odoiá , Odociaba
Iansã : Mãe do entardecer- Saudação :Eparê Iansã ( salve sua presença )
Oxum : Mãe da água doce - Saudação:Oraiau/ Aieeu
Nanã Buruquê: Mãe(mais antiga)-Saudação: Saluba Nanã(nos socorra )
Exu: Esfera                         -Saudação: lariêExú/Exú é Mojubá(Olhe por mim)



Agô : Licença ( Pedido, benção, saudação )
Alguidar: Pratos, Tigelas de barro de diversos tamanhos
Aruanda: Cidade onde os espíritos estão
Atalaia: Estar sob a proteção de uma entidade
Axé: Energia, força vital, benção
Babalorixá: Pai de Santo ( com curso de sacerdote )
Babalaô: Pai de santo que prestou todos oráculos
Camatuê: Cabeça do consulente ( denominado pelo médium  incorporado )
Casuá: Casa, residência ( denominado pelo médium incorporado )
Calunga grande : Cidade dos mortos, o mar ( Local de Iemanjá ).
Calunga pequena: Cidade dos Mortos, cemitério ( Local de Omulú, Obaluaê)
Capa Branca: Médico da terra ( denominação dada pelo médium )
Capa preta: Juiz ( denominação dada pelo médium )
Coité: Parte da casca do coco onde a entidade bebe
Congá: Altar também denominado Peji
Ebó: Toda e qualquer oferta a um Orixá
Fundanga: Pólvora utilizada para desfazer trabalhos
Humaitá: Forte no Paraguai- Resistência- Cidade- Ogum
IAÔ: Iniciante na umbanda
Ialorixá:  Mãe de Santo com curso de sacerdote
Laraiô: Saudação
Juremá: Mestres erveiros que manuseiam as ervas
Ló: Despedida dos Médiuns incorporados quando estão se retirando: Ir a LÓ
Macaia: Ervas das matas
Macumba: Tambor utilizados pelos antigos escravos no candomblé.
Male me/Malei me: Pedir perdão, pedir misericórdia
Marafo: Bebidas ( antigamente era somente o aguardente ).
Ori: Cabeça
Padê: Oferenda a Exú para que se retire levando tudo de negatividade
Paô: Bater Palmas em sinal de respeito , normalmente 3 x 4 ou 3 +4  para                         
        Entidade EXU com a saudação: laroiê Exu – Eu te saúdo Exu, Eu te             reverencio .
Pito: Cigarro, charuto, cachimbo, etc.
Ponteiro: Faca utilizada em terreiros de terra para marcar pontos riscados
Quiumba: Espíritos sofredores, obsessores
Quesila: Aversão, discussão
Saravá: Saudação: Salve, viva !
Zambi: Olorum ( Deus único ). 
  



Extraido dos vídeos de Marcio Kain      

XAMANISMO!!!!

Agosto, mês de Pai Obaluaiê
Irmãos umbandistas. No mês de agosto, muitos templos fazem suas consagrações para o nosso Divino Pai Obaluaiê.


Este Pai Orixá atua na evolução dos seres, transmutando e estimulando a sabedoria e o crescimento íntimo.


Pai Obaluaiê é o Orixá das Passagens dos Portais, onde transporta de um nível para outro a verdadeira consciência.


É considerado o Orixá da cura física e espiritual, sendo também responsável pelo encaminhamento de espíritos sofredores, eguns, quiumbas, obsessores, vampirizadores, etc.


Através de seu Portal de Luz, faculta a chance e a oportunidade desses espíritos serem guiados e amparados pela Lei Maior.


No Portal de Luz do Pai Obaluaiê, aprende-se a encaminhar e a curar estes espíritos, usando uma única vela branca.


Este aprendizado simples e coerente nos dá a chance de encaminharmos tudo aos “pés” do Trono da Evolução, representado simbolicamente pelo cruzeiro, que no campo santo mantém seu ponto de força.


O Divino Pai Obaluaiê é representado pelo sincretismo religioso como São Lázaro, e suas cores no campo religioso são branco/preto, e no magistico violeta.



Amaci: folhas de louro e manjericão maceradas com água da fonte, rio ou lago.

Sua pedra: turmalina negra

Oferenda: Água mineral, vinho licoroso rose, pipoca, côco seco fatiado com mel, velas brancas e violetas.

Flores: crisântemo branco, margarida e rosa branca

Como Sabemos Que Existimos ? | 123 | João Gyorgy | Dikas & Tokes | CEIH

                             
                                         Ola, aqui é o João Gyorgy,

Quero te avisar que:
O 1 ºWorkshop do CEIH 
de Empoderamento Quântico -
Você, a Lei Quântica da Vida.

Já Começou...


Hoje o Video de Abertura onde eu falo
sobre os procedimentos do workshop
e também faço um salto quântico com
você, na pratica, finalmente esta no ar

Ontem atravessamos dificuldades para
colocar as plataformas no ar, mas hoje
finalmente conseguimos.

Entra la e guarda esse link de acesso,
pois as videoAulas acontecerão nele.
http://acesso.interiorhumano.com.br/workshop-empoderamento-pessoal-quantico
Fica atento ao meus e-mails nesta 
semana
, neles eu vou informar tudo que
você precisa saber durante o Workshop.
E também vou te enviar os anexos e as
palestras bonus.

Eu vou ficando por aqui
웃 웃 Seguimos Juntos,

Gratidão
João Gyorgy

PS: Todo dia as 18Hs um conteúdo
diferente na Ala do Conhecimento
Não perca... Você pode e vai mudar
a sua vida intencionalmente.
Lembre-se - VOCÊ É A LEI !
Acessa agora e qualquer duvida, avisa.

CEIH - Centro de estudos do Interior Humano
Vendendo Espelhos na Feira da Vida Para as Pessoas se Conhecerem Melhor

Alexandre Cumino news@colegiopenabranca.com.br

12:02 (Há 2 horas)
para mim
Visualizar como página web
Exu
UMA PROSA COM EXU
Por Rodrigo Queiroz - DIRETOR DO UMBANDA EAD
– Sabe moleque, eu venho aqui aproveitar que você está com o canal aberto e lhe agradecer por ter tido a coragem de falar de nós assim como fez!
– Que é isso, senhor? Não me agradeça nada, penso que faço apenas a minha obrigação; afinal, é como eu disse: só tenho queagradecer a Exu. Mas como assim, como eu fiz? 
– Ah, desse jeito, sem se preocupar com as pessoas, vestindo mesmo a camisa, ou diria, a capa, há há há.
– O senhor é muito humorado Exu, e sei que não é o Sr. Exu que me ampara, poderia me dizer o seu nome?
– Não é importante moleque, sou apenas Exu.
– Desculpe, mas aprendi que devo dar comunicação somente quando o espírito se identificar…
– Eita moleque, como tu é atrevido! Há há há, por isso que falam umas coisas de você por aqui!
(...) Moleque, vamos fazer o seguinte, eu falo o que tenho pra falar e depois eu me revelo, pode ser?
– Certo Exu, mas sinto um cheiro de mata por aqui…
– Há há há… Sabe moleque, para nós sempre que alguém se atreve a nos defender, nos alegramos e procuramos dar suporte para que se alcancem os objetivos. Evitando que qualquer ação negativa aconteça, ainda que ela venha, procuramos não permitir que atinja o nosso defensor.
– Imagino Exu (risos), aliás é o mínimo que espero…
– Olha o atrevimento!
– Desculpe, não quero ofender, mas eu diria ao senhor o seguinte: para mim é uma honra poder ter conhecimento e oportunidade de falar sobre vocês o que entendo como correto. Ainda não entendo porque esta cerimônia e agradecimentos. Eu os amo, os reverencio e estimo profundo respeito, e como um dia um Exu me tirou das ilusões da Terra e me apresentou esta redentora religião que é a Umbanda, nada mais justo depois de tanto tempo em que eu ministro curso sobre a religião ter feito um minicurso sobre vocês, que são a razão de nossa segurança, são a força invisível que nos fortalece a fé e estimula em nós os melhores sentimentos para que não nos percamos, enfim, é por aí, assim é que penso…
– Olha moleque, é disso que estou falando, desse jeito amoroso em meio a tantas confusões, conflitos e interesse em torno de nosso nome e força…
– Compreendo Exu, imagino o quanto deve ser difícil o fardo que carregam.
– Não imagina não, nós estamos aqui, prontos a ajudá-los. Não nos interessa a fé que vocês alimentam e tampouco o que são ou deixam de ser na Terra. Para nós são apenas humanos, parceiros nosso e pronto; não temos nenhum interesse com nada. É a vontade do Alto que defendamos vocês e que procuremos conduzi-los à Luz.
– Disso eu sei.
– Eu sei que tu sabe, e é isso que raros entendem. Os indivíduos continuam e por muito tempo continuarão a alimentar em suas mentes vis a ideia de que somos “diabos”; afinal, que diabos é esse Diabo que tanto pregam? Sabe moleque, os indivíduos rogam a presença do coisa ruim o tempo todo, e quando a situação complica, é culpa nossa, dos Exus. Não acreditam no que seus pastores, padres, pais-de-santo, orientadores etc. pregam, pois se acreditassem, já teriam se proposto a serem diferentes.
Trecho de diálogo ocorrido no dia 26/02/07 – Publicado no Jornal de Umbanda Sagrada de Julho de 2016.

Estes e outros textos relacionados a Exu você encontra no Jornal de Umbanda Sagrada. Clique aqui para fazer o download do JUS.

Não deixe de curtir a fanpage no Facebook.
Enviado por Colégio de Umbanda Sagrada Pena Branca

Grupo de Umbanda Triângulo da Fraternidade: EXU - Palestra realizada no TEMPLO ESTRELA DO ORIE...

Grupo de Umbanda Triângulo da Fraternidade: EXU - Palestra realizada no TEMPLO ESTRELA DO ORIE...: Palestra realizada no TEMPLO ESTRELA DO ORIENTE, Rua Goiás, nº 548 – Piedade – Rio de Janeiro – RJ - Tel: (21) 2597 1323 - e-mail: teo@templ...

098 - Vocábulos da Umbanda 02

041 - Vocábulos da Umbanda - 01

Dica do Bem com Fabi Prem | 27 A Meditação Que Me Ajudou Durante a Sínd...

055 de 91 - Fragmentos de Umbanda - Alexandre Cumino - Ed Madras


  
Olá, tudo bem?

Nós do Portal TOM estamos felizes em ter você conosco.

Clique aqui e baixe agora o eBook do Zé Pelintra

Acompanhe nossas redes sociais: facebookinstagram e youtube.

Vem com a gente!
Portal TOM

Entrevista Rubens saraceni na TvMundi.flv

Entrevista Rubens saraceni na TvMundi.flv

Depoimento - Rubens Saraceni - Teologia de Umbanda

ALIMENTANDO A ALMA

Catimbó ou Jurema Sagrada?