sexta-feira, 6 de março de 2020

Interlíngua x umbanda

Interlíngua x umbanda: O leitor provavelmente nunca ouviu falar em Interlíngua, raramente encontro alguém que tenha ouvido falar sobre interlíngua, que tenha estudado ou conheça Interlíngua. Interlíngua é uma língua auxiliar internacional,...

PRECE DO CAMINHO por RUBENS SARACENI

Prece do Caminho
força e fé para continuar a vida
Sobre a Prece do Caminho
A Prece do Caminho pode ser encontrada no livro “A Longa Capa Negra”, Madras Editora, escrita por Rubens Saraceni.
Localizada no capítulo “O Encontro com o Divino Mestre”, mostra toda sua importância nas palavras da personagem Zenaide:
“— Nenhuma religião é melhor ou pior do que outra. Nós é que podemos ser melhores ou piores na que abraçamos ao nascer. Mas se orar aqui traz o alívio ao seu coração e lhe dá força e fé para continuar sua vida, eu também participo de sua fé e oro pedindo forças para que eu nunca venha a esmorecer em minha confiança, fé e amor aos nossos semelhantes.”
Sobre "A Longa Capa Negra"
O livro é um ótimo romance mediúnico que se passa na Idade Média, época de grande supremacia da Igreja Católica em todo o mundo.
Ciro Vespasiano, personagem principal, tem sua vida modificada após a morte de seus pais e, ainda no cemitério, conheceu o misterioso Senhor da Longa Capa Negra, que vivia no mundo das trevas por conta das aberrações cometidas enquanto encarnado.
Logo presenteou Ciro, então com 15 anos de idade, com um anel e um conselho: deveria tirar tudo o que pudesse do padre Benini, o condutor da paróquia local que passaria, então, a ser o seu tutor.
Sem entender o porquê daquilo, Ciro voltou à paróquia onde também conheceu a jovem Mariana, por quem se encantou, e seguiu para Bolonha, na companhia do padre Benini, que decidiu fazer do garoto seu discípulo e herdeiro de sua grande fortuna.
Uma história comovente que envolve poder, amor, ódio, traição em família e a saga dos Cavaleiros Templários, na qual Ciro acabou se envolvendo.
Prece do Caminho
Eu caminho o caminho que me traçou o Senhor dos meus caminhos.
Se eu caminho pelo seu caminho, então estou no meu caminho.
O meu caminho é o caminho dos que caminham em busca do Caminho sem se desviarem por outros caminhos.
No meu caminho eu tenho a trilha que me conduz ao Senhor do meu caminho .
Todos os caminhos conduzem o Senhor dos Caminhos, mas eu tenho o meu caminho e não busco outro caminho para chegar ao senhor do meu caminho.
No meu caminho muitos buscam o Senhor dos Caminhos. E muitos encontram os seus caminhos guiando-se pelo senhor dos caminhos.
Mas muitos se perdem pelos caminhos, ao quererem encontrar no meio deles o senhor dos caminhos.
O senhor dos caminhos é o próprio caminho por onde eu caminho.
Eu não busco o Senhor do meu caminho no seu final, pois ele se acha no lado direito do meu caminho.
O meu caminho tem dois caminhos: um caminho que sobe e outro que desce.
Mas às vezes, ao descer no meu caminho, estou subindo na minha caminhada e, noutras vezes, ao subir no meu caminho, estou descendo na minha caminhada, pois o caminho pertence ao Senhor dos Caminhos e ninguém passa pelos caminhos sem ser visto por Ele.
Se cada um fizer o seu caminho sem olhar os outros caminhos e nem desviar ninguém do seu caminho, então ele já é um caminho do qual se serve o Senhor dos Caminhos.
Muitos vão e muitos vêm. Muitos sobem e muitos descem.
Quem muito subiu no seu caminho, às vezes volta pelos diversos caminhos que possui o senhor dos caminhos para que possa ver que existem muitos outros caminhos!
Quem pouco subiu no seu caminho, às vezes volta ao início e recomeça em outro caminho a sua caminhada rumo ao senhor dos caminhos, que a todos observa .
Se encontro muitos espinhos, deles não posso me desviar pois foi Ele quem os pôs no meu caminho só para que, ao me ferir, eu saiba e aprenda que o meu caminho não é melhor do que qualquer outro, apenas é o meu caminho!
Se o meu caminho está ressecado, eu tenho que aguá-lo com minhas lágrimas, pois este é o meu caminho, e ele não pode esta seco.
Mas se o meu caminho se encharcar com o meu pranto, eu tenho de enxugá-lo, pois ele não pode ser muito úmido senão irei me afundar no lodo que criará no meu caminho.
O meu caminho não é o melhor dos caminhos, mas é o meu caminho.
Se eu fizer uma boa caminhada, estarei fazendo um bom caminho por onde outros, ainda sem um caminho, poderão iniciar suas caminhadas rumo ao Senhor dos Caminhos.
Eu olho para todos os caminhos e vejo somente caminhos.
Todos pertencem e nos conduzem ao Senhor dos Caminhos.
No meu caminho, eu tenho, no momento de sede, a fonte de água fresca; no momento de fome, o pão sagrado; no momento de dor, o bálsamo que alivia; no momento de tristezas, tenho o sorriso amigo que alegra minha alma; nos momentos de angústia, a paz que tranqüiliza meu espírito; nos momentos de aflições, a palavra que me consola; nos momentos de desespero, a calma que pacifica o meu coração; nos momentos de alegria, a palavra de agradecimento a quem a propicia.
Pois este é o meu caminho e nele, de tudo há um pouco.
Mas no meu caminho não há lugar para outro que não seja a trilha única que conduz ao Senhor dos meus caminhos.
Que cada um caminhe o seu caminho consciente de que todos os que caminham os muitos caminhos do Senhor de todos os caminhos, por Ele foram abençoados ao iniciarem suas caminhadas.
Que eu não olhe com desprezo para os que estão parados no meio do caminho, pois eles podem estar apenas descansando e reiniciarão suas caminhadas assim que conseguirem forças para isso.
Mas se, ao caminhar no meu caminho, eu tiver de diminuir um pouco a minha jornada só para ajudar alguém que caminha com dificuldade, muito terei avançado.
Se eu repartir o meu pão com alguém que tem fome, não precisarei de muitos pães para aplacar a minha fome, se eu repartir minha água com quem tem sede, terei saciado à minha própria sede.
Se no meu caminho eu ajudar alguém a encontrar o seu próprio caminho, então eu sou parte de um caminho por onde muitos podem caminhar.
No meu caminho, eu caminho com o Senhor dos Caminhos que sempre guia àqueles que com ele querem caminhar, pois assim diz o senhor dos meus caminhos: “Se tu caminhas os Meus caminhos, contigo eu sempre caminharei nos vossos muitos caminhos, que são todos caminhos Meus”.
Amém.
Nota dos Editores sobre a Prece do Caminho
Se você chegou até o fim desta Prece do Caminho certamente notou que há muita repetição. E, na nossa visão, o autor Rubens Saraceni fez disso algo proposital, pois a intenção era enfatizar a importância das escolhas que cada um de nós faz ao longo da vida.
A Prece do Caminho pode ser lida como uma reflexão, de tempos em tempos, ou ainda como uma oração. Faça em silêncio e oriente sua mente para aquilo que deseja.

E que o Senhor dos Caminhos esteja sempre com você!
Texto retirado do Umbanda Eu Curto
https://umbandaeucurto.com/prece-do-caminho/

#Vlog | QUEM ME PROTEGE NÃO DORME

Como Dormir Bem - Técnica de 4 Minutos!

��AULA 1 - Jornada Meditar Transforma

��AULA 2 - Jornada Meditar Transforma

��AULA 3 + Circuito Infinity Healing

��AULA 4 - Jornada Meditar Transforma

Se tudo é Buda não teria a insatisfação tb o seu lado luminoso? | Sabedo...

ENTENDA SUA AFINIDADE COM DETERMINADA ENTIDADE

PTD nº 462 - Existe uma relação entre irmãos gêmeos e a espiritualidade?

PTD nº 461 - Guia chefe da casa pediu para eu fazer um bori. Cobraram ma...

ENTENDA SUA AFINIDADE COM DETERMINADA ENTIDADE

Decepção Religiosa. Templo de Umbanda Ogum 7 Ondas e Cabocla Jupira= Por Cristinatormena

New post on  Umbanda - Orixá Essência Divina - Templo de Umbanda Ogum 7 Ondas e Cabocla Jupira A Umbanda te decepcionou? Refletir é...